Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Notícias

  28/06/2018 

CONSER: quarto dia de reunião é marcado por reflexão em torno da superação da violência

 

No quarto dia de reunião do C ONSER NE 1 foi abordado o tema da Campanha da Fraternidade – “Superação da Violência”, com palestra do professor César Barreira, da Universidade Federal do Ceará. No primeiro momento aconteceu a Celebração Eucarística, presidida pelo bispo de Quixadá e vice presidente do regional, dom Angelo Pignoli.  

O professor Barreira aborda a questão da violência com base no fator social, fazendo uma análise sobre as questões da violência do quotidiano. Falando sobre a policia, ele acrescenta: “a população deseja uma policia que resolva seus problemas e não uma policia violenta”. Sobre os caminhos de superação ele refletiu: “devemos ter uma política de segurança política articulada, com a parceria de toda a sociedade, devendo trabalhar com: educação, movimentos sociais, entre outros. Violência não se combate com violência, se combate com o diálogo”.

A ressonância da palestra aconteceu com as reflexões da pastoral da pessoa idosa, diocese de Tianguá, Comissão Brasileira de Justiça e Paz, diocese de Itapipoca, Pastoral Carcerária, Pastoral do Menor e Cáritas Regional.

Dom Edimilson Neves, bispo diocesano de Tianguá, fala sobre o encontro com o governador, ocorrido no primeiro dia do CONSER, onde foi debatido a questão da superação da violência e programas transmitidos pelas TV, programas televisivos com grande audiência em horários diurnos. “Precisamos rever nossas práticas, já que somos promotores da cultura da paz. Não devemos transferi nossa responsabilidade para outro”, ressalta o bispo diocesano.

Regina Pereira, da Pastoral Carcerária falou sobre a questão da mentalidade conceituada nas redes sociais sobre a não valorização dos direitos humanos, da questão da frase “bandido bom é bandido morto”, das visitas aos presídios e de todos os trabalhos e ações da pastoral.

Dom, Edmilson da Cruz, bispo emérito de Limoeiro, fala do grupo “Ceará de Paz”, que se reúne em Fortaleza há 11 anos, refletindo sobre a cultura de paz e da organização pastoral.

“A violência tem rosto, sexo, idade e cor. Quem morre é quem está na periferia”, refletiu Patrícia Moura, da Cáritas Regional, que esteve presente na reunião com o governo estadual, na última segunda (25/06), apresentou as propostas de campanhas apresentado ao governador e seus secretários, “1 - Contra o desarmamento, 2 – Contra a violência da mulher e 3 – Extermínio da juventude”. Já Lidiane dos Santos , Pastoral do Menor Regional, abordou a questão da campanha “Ninguém nasce infrator”.

Por: Alex Ferreira

Acompanhe as fotos: https://www.facebook.com/pg/cnbbne1/photos/?tab=album&album_id=624240077942268

Fonte: SETOR DE COMUNICAÇÃO - CNBB Regional Ne 1
Última atualização: 28/06/2018 às 16:13:51
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Comente esta notícia

Nome:
Nome é necessário.
E-mail:
E-mail é necessário.E-mail inválido.
Comentário:
Comentário é necessário.Máximo de 500 caracteres.
código captcha
Código necessário.
 

Comentários

Seja o primeiro a comentar.
Basta preencher o formulário acima.

Rua Felino Barroso, 405 -  Bairro de Fátima  •  CEP: 60050-130  •  Fortaleza - CE
Caixa Postal 126 / 60001-970  •  Fone/Fax: (85) 3252-4046

  www.igenio.com.br